Minha foto
Camila
Quero "todo o amor que houver nessa vida e algum trocado pra dar garantia e algum veneno anti monotonia".
Visualizar meu perfil completo

Recadinho:


ShoutMix chat widget

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Meu ponto de vista

Campo aberto, horizonte para todos os lados e eu caminhando para frente. Ou seria para trás? Tanto faz, porque não sou referência, não tenho referencial e não referencio ponto cardeal parado. Olho para frente, que é rumo de quem vai. E eu sou de ida. Ando de partida. E vou. Mas volto. Meia volta, volta e meia, já. Porque o que era é trás pode virar frente. Depende. Mas pouco importa, já que meus olhos, esses sim, são norte. Sempre. E eu olho para todo lado para ver até o lado de dentro. Assim, o que já foi visto já foi vivido, sentido, concretizado. Então não tenho medo de encarar meu passado, de não prever o futuro e de enxergar que eu sou meu guia. E já que os olhos são meus, quero ver o lado bom da vida. Sim, o olho a vida pelo lado que me convém. Porque o pior cego não é aquele que não quer ver, cego mesmo é aquele que só enxerga um dos lados da moeda. E ô coisa difícil essa de mudar a moeda de lado! Porque, às vezes, precisamos de mais, muito mais, que força para conseguir observar o que o óbvio joga na nossa cara. E ter mais que força é ter vontade. Sim, tenho força de vontade, vejo ângulos diferentes e percebo que diferente sou eu, que sou míope e não preciso de óculos para enxergar o melhor que a vida tem para mostrar. Então vejo que o colorido das coisas depende sim do ponto de vista de quem vê, porque hoje “há flores em tudo que vejo” e fui eu que as plantei. E é bom saber que o lado bom da vida está do meu lado, que minha moeda está virada para o lado certo e que vejo o lado positivo por todos os lados.

8 Finais Felizes:

Lorena disse...

Oi Cami,

Eu realmente acredito que tudo tenha um lado bom. Às vezes não vemos, mas pode ter certeza que o defeito é nos nossos olhos ou no nosso coração. E é bom ter essa consciência, mesmo quando ela falha e começamos a ver tudo cinza. Uma hora, quando a calmaria vier, vemos o lado brilhante e colorido outra vez. Bom saber que o lado da moeda que está pra cima, na sua vida, seja esse. =)

beijos.

Pâmela disse...

É, às vezes, a gente não entende mesmo o que o óbvio joga na nossa cara. Mesmo quando ele joga, sacode a gente, pisa no nosso pé... Tem dias que a gente simplesmente não quer ver. Uma pena!
Beijos!

Babi Mello disse...

Que lindo, como podemos ser assim, vejo a verdade dos dois lados, mas insistimos em não enxergar o que queremos ver. Hj, espero ser forte e decidida, porque vi os dois lados e fiquei muito triste, enganada.
Bj!
P.S.: O seu tecto reflete um pouco (ou muito) do que eu sinto nesse momento.

João Octáio disse...

que bom que você voltou. Teus ótimos textos fizeram bastante falta.

Leandro Neres disse...

Mila, bom ter você de volta. Obrigado pela visita e pelas palavras de carinho. Gostei desse teu ponto de vista. Gosto do que você escreve...
bjs

Leandro

Du disse...

Tudo, tudo, tudo tem o seu lado bom sim, e todos procuramos por um norte... e falando em Norte, eu reencontrei o meu... vc já viu?
http://desnortear-se.blogspot.com/

rsrsrsrsrs

"... porque hoje “há flores em tudo que vejo” e fui eu que as plantei"

Adoro teu jeito de escrever e falar dos MEUS sentimentos! rsrsrsrs

Beijão, querida!

Ju Pietra disse...

AI, Camila, adorei...
Atéporque esse jogo de palavras, de idéias contrárias que sã justamente aquelas que eu queria dizer mas não sabia como..
Obrigada por conseguir verbalizar o q a gente tava sentindo!!!!

Beijooo
Ju

Su disse...

Tudo que acontece com a gente tem o seu lado bom. As coisas são boas, basta sabermos olhar!!!
Abraços daqui!!

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios